Policial militar é preso suspeito de abuso sexual contra a própria filha em Patrocínio

Policial militar é preso suspeito de abuso sexual contra a própria filha em Patrocínio
Texto:

Postado em: 14/07/2020

Um policial militar de 48 anos foi preso nesta segunda-feira (13/07), por suspeita de abuso sexual contra a própria filha, de apenas 17 anos. De acordo com a polícia Civil, os abusos aconteciam na casa da família, no bairro Serra Negra, em Patrocínio.

Segundo o delegado Dr. Renato Mendonça, o policial é da reserva da Polícia Militar do Estado de São Paulo, e morava sozinho com a filha. Ele é pai de duas filhas, sendo a que outra filha reside com a mãe. O abuso acontecia há cerca de dois anos, com agressões e ameaças de morte constantes.

Foi montada uma operação com vários Policiais Civis, pelo motivo do autor andar armado. No local, em conversa com a vítima, ela confirmou os abusos e contou que os sofria todos dias, e que era obrigada a dormir na cama com o próprio pai.

O autor foi preso em fragrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, para as demais providências.

>>Como denunciar:

 Ligação anônima pelo 34-3831-1432 ou pelo WhatsApp da Polícia Civil de Patrocínio: 34-9.9805-1916

O serviço funciona 24 horas por dia, e as denúncias feitas por esses canais são encaminhadas para os órgãos competentes em cada caso, como delegacias da mulher, do idoso, regionais, Conselho Tutelar e Ministério Público.

Ouça na íntegra a entrevista abaixo com o Delegado Dr. Renato Mendonça

 
 

Grupo Módulo Notícias no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo