Policiais penais manifestam contra reforma da previdência de Minas Gerais

Policiais penais manifestam contra reforma da previdência de Minas Gerais
Texto:

Postado em: 15/07/2020

Policiais penais de Patrocínio manifestaram contra a proposta de reforma da previdência estadual proposta pelo governador Romeu Zema. Diversos servidores se reuniram na entrada da Penitenciária Deputado Expedito de Faria Tavares na manhã desta quarta-feira (15). Os atos vêm sendo realizados em outras cidades.

Dentre os itens que os profissionais contestam, está a proposta de aumento das alíquotas de desconto dos funcionários públicos ao regime previdenciário de Minas Gerais, que podem chegar a 19%. Eles também questionam a tramitação do projeto durante a pandemia, já que o acesso a Assembleia Legislativa em Belo Horizonte está restrito.

Se aprovada, a reforma valerá para todos os funcionários do Poder Executivo. O texto prevê ainda idade mínima para aposentadoria de 62 anos para as mulheres e de 65 para os homens, desde que atendidos os tempos de contribuição, que são de 30 anos para mulheres e 35 para homens.

15-07-2020 Protesto Penais CAPA

 

Juliano Resende/Daniel Henrique-Módulo FM

Grupo Módulo Notícias no WhatsApp

Receba as principais notícias do dia direto no seu celular.

  Entrar no grupo